SOBRE O COTIDIANO, sobre o ambiente.

Eu acho que certas coisas  mudam com o passar do tempo. Nós(eu)  melhoramos muito nosso jeito de ser,de ver o mundo,de encarar de frente as pessoas que se acham superiores a nós. Se existe algo que não faço mais é brigar com possíveis clientes. Antes eu,xingava,respondia a altura,mandava chupar gelo. Porque como já disse aqui diversas vezes as pessoas na grande maioria não nos respeitam. Mas isso não é só nessa profissão. É de um modo geral,as pessoas se acham os donos da verdade. E se acham no direito de te humilhar. Na real eu não sou tão doce quanto pareço,tenho meus dias de trovoadas.Não sou tão séria como deveria ser, gosto das gargalhadas altas ao lado de gente com bom humor.Mas não se engane que meu sarcasmo pega fácil minha ironia exala na cara daqueles que acham que sabem tudo, mas não se acanhe com este meu jeito doce-dura de ser, aprendi que a vida vai além de um corpo e rosto bonito, ainda prefiro ser verdadeira por dentro. Fico triste quando algumas coisas me acontece. Mas depois caio na gargalhadas com algumas situações que chegam a ser ridículas e engraçadas. Eu vou voltar a contar o que acontece durante a semana. Óbvio que não vou citar nomes ,cidade,idade,bio físico etc. Se for algo positivo irei contar com maior prazer,se for algo negativo também irei contar mas com uma pitada de humor pra não ficar tão pesado.  A semana passada foi a semana de acontecimentos alguns engraçados outros ….que me deixaram triste.

1- caso.Um moço me ligou já eram tipo umas 22:40 h. Daí perguntou sobre a massagem e se eu poderia atende-lo no hotel naquele momento,eu disse a ele que naquele momento seria impossível ,mas se ele tivesse interesse para mais tarde eu conseguia chegar. Se tem algo que sou é pontual e chata com horários. Não gosto de deixar ninguém me esperando. Ok,chegando no hotel pontualmente. Subi ,bati na porta . É engraçado isso porque por mais que você seja experiente bate um medo de quem vai abrir a porta. Um moço abriu,foi sério,não sorriu. Perguntei  onde ele já tinha feito a tântrica. Ele falou e fui fazer. Mais um vez as pessoas tem uma ideia errônea sobre massagem tântrica. Não tá escrito em nenhum lugar que sou obrigada a fazer massagem nua. Então, estava fazendo a massagem e o homem inquieto,não relaxava por nada. Chegou uma hora que ele falou: só consigo relaxar se ficar te tocando pegando,mas logo eu vi que se ele fosse fazer algo a mais ele iria me machucar,porque ele apertava tanto meu pé. Achei aquilo estranho. Mas enfim,fingi que não tinha escutado nada e continuei a massagem. Só que chegou uma hora que me cancei daquela insistência. Daí ele falou:” você fazendo massagem com essa roupa de crente não dá tesão” . Kkkkkkkkkk. Aí,é foda! Porque se você se veste com roupas vulgares é ridículo,se você se veste mais comportada é roupa de crente e não dá tesão. E por acaso eu tenho que já chegar no lugar dando tesão? Não vou abrir mão do meu estilo pra agradar ninguém. Sou discreta mais não sou retardada sei muito bem provocar tesão em qualquer homem. Resumindo o atendimento: Eu fiquei meio chateada com o acontecido,o conceito dele sobre massagem é meio que putaria . O cara fez questão de ficar as duas horas exatamente. Um jeito meio arrogante e grosseiro.Ah, ainda falou que qualquer mulher morreria de tesão pelo pênis dele. Oiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii? Fiquei com vontade de sorrir mas me contive,ele disse certo.”qualquer mulher”.Eu não sou qualquer mulher e não me abro pra qualquer um . Às vezes eu acho que muitos ficam falando de suas profissões e tal pra me intimidar .Deve pensar que sou dessas que se deixam levar pelo financeiro ou status. Já atendi e atendo caras bem sucedidos e conhecidos tão simples e educados. Já atendi tanto pobres pagando de ricos se achando. Acho que pobre de espírito é a pior raça. Mas foi isso. O homem se achava.

Caso -2- A noite também pra variar,liga um moço que estava no hotel,mas por motivos que eu desconheço ele preferiu ir no ambiente. Perguntou quanto levaria pra chegar. Eu disse ah se vim de Uber de 7a 12 minutos. Eu já gosto de perguntar o que a pessoa quer,qual tipo de massagem,qual tipo de relaxamento. Pra ficar tudo bem claro. Daí ele falou: “quando eu chegar eu escolho”. Você já nota que o cara quer olhar pra sua cara e saber se você é atraente sexualmente e tal. Eu sou assim, quando eles estão vindo com a farinha eu já estou voltando com mingau. Daí chegou,um cara de cara fechada ,foi notório que ele não gostou de mim. Ele olhou todo o ambiente e eu só o observando daí ele falou vou querer só a relaxante. Eu falei: ok. Sabe aquela pessoa que fica de cara fechada e não fala nada? É desconfortável isso. Eu acho meio frio. Daí fiz a relaxante nas costas   e quando ele virou-se de frente já veio querendo me amassar como se eu fosse uma jaca sei lá.Dai eu disse a ele que não era permitido aquilo já que  ele optou pela relaxante e se caso ele quisesse algo a mais séria o preço normal. Eu não sou santa e nem pretendo ser é fato. Mas não é porque já estou fazendo a massagem que tenho que ceder aos caprichos de gente sem noção. Daí ele falou,faz pra ver se conquista o freguês.Meu amigo ,primeiro que não sou açougue  e nem mercadinho da esquina pra ter freguês. Segundo que a reciprocidade é tudo. A pessoa chega te olhando  dos pés a cabeça,depois não dá um sorriso. Não fala nada e depois que eu o trate com tudo que ele acha que tem direito? Não mesmo. Houve uma hora que eu disse: olha,você já está sendo chato e inconveniente acabou a massagem. Ah foda-se se ele não gostou. Ele mereceu. Geralmente eu sou super tranquila com meus clientes,trato-os bem,cumpro com o combinado e tendo ser o mais natural possível pra não virar uma coisa artificial. Mas existem pessoas que pedem pra eu ser grossa.

3-caso- Pra variar de novo um moço de fora de Brasília como os anterios. Eu estava na rua pra ir no cartório. Daí ele ligou e perguntou se eu o poderia atende-lo as 16:30. Eu disse que sim. Daí voltei de onde eu estava fui pro espaço para espera-lo. Eu já tinha passado o endereço a ele e quando foi 15:30 o homem bate na porta. Já aconteceu de gente se atrasar,mas chegar uma hora adiantado foi a primeira vez. Daí ele meio agitado eu notei isso. Falei pra ele ficar a vontade,eu saí do quarto pra pegar cremes, óleos,e colocar uma musiquinha.Quando eu voltei o homem já tava todo vestido e falou: “Eu vou embora ,eu tenho claustrofobia e aqui é muito apertado”. Eu fiquei sem reação,que vou dizer?Não sei se ele mentiu ou tinha mesmo.Não me pareceu que fosse mentira. Mas enfim,isso é bom que sirva até de alerta para futuros clientes.Se você não gosta de ir no espaço é melhor marcar fora,meu espaço não é grande,mas é limpo, é cheiroso. É divido com duas cabines. A primeira é maior,tem um tatame até grande. A segunda é menor mas é a que tem a janela não pode ser aberta toda.Mas se for o caso abre-se um pouco. Nessa cabine da janela tem o ventilador também.Não tem ar e nem pretendo colocar porque muitos não gostam eu também não gosto de ar. Me sinto mal o nariz congestiona e a cabeça dói.Sofro quando vou em hotéis e os moços parecem que estão no polo norte. O meu espaço tá longe de ser um lugar ruim,pelo contrário,recebo muitos elogios.Eu só quero pedir que se caso a pessoa queira um lugar confortável demais e no padrão delas que marque no motel ou hotel. Mas que esteja dispostos a pagar o cachê que cobro pra ir.Que não venha desvalorizar meu trabalho baseada no ambiente que não é o que ele tenha idealizado.Não pense que estou sendo chata ou me achando,só não quero que fique desconfortável. Eu não gosto de ir a motéis ,mas se o moço for legal eu abro uma excessão como já fiz antes . Daí o homem falou: “tenho que pagar alguma coisa”?Me deu vontade de responder: sim ,o cachê todo afinal ,tu reservou um horário e nesse horário eu não posso atender ninguém.Mas não falei nada e ele foi embora. Não é legal acontecer esse tipo de coisa além de me atrapalhar,atrapalha a próprio pessoa.Sem contar os gastos que ela tem.Bom,futuramente vou fazer fotos do ambiente para a pessoa ter uma noção.

Eita que ficou textão.Mas hoje acordei com vontade de escrever. Preciso cuidar mais do blog é ser mais presente. Acontece que a vida gente não é nada perfeita e nem sempre estamos bem. Não gosto de me sentir triste ou desmotivada.Mas às vezes isso é inevitável.Graças a Deus estou bem e já tá tudo se encaixando no seu devido lugares.

BSB,26 de maio 2018.Massagem tântrica Brasília ,misto de massagem TANTRA tradicional ,massagem tântrica 24 horas. Massagem em Brasília

1 thought on “SOBRE O COTIDIANO, sobre o ambiente.

  1. Bom dia Luna!
    Gostaria de marcar com você um horário, mas acredite, tenho dúvidas do que realmente quero.
    Sobre a tântrica o que achei muito legal nas suas publicações é sobre o autoconhecimento, o que é muito importante pra mim. Por outro lado, tem um que de curiosidade e fetiche. Desculpe não quero parecer mau educado ou desrespeitoso. Sou casado e nunca fiz esse tipo de massagem, o que me deixa um tanto quanto nervoso. Li o que você relatou sobre a massagem sensual tailandesa e fiquei super tentado em fazer esta.

    Um dia mandei uma mensagem dizendo que em breve marcaria e que queria tudo, mas fico nervoso em pensar nisso, não sei se conseguiria. De qualquer forma seu que preciso me decidir para marcar um horário com você.

    Será que pode me dar uma dica?

    Li que você vai estar em São Paulo dia 02, é isso? Dia 03 ou 04 já estará em Brasília?
    Obrigado e aguardo seu retorno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *