MEU CARNAVAL foi assim…

Olá,tudo bem ?

Esse POST é do tipo desabafo .  Sabem o mês de janeiro e fevereiro são uns dos piores para se ganhar dinheiro aqui em Brasília. E quem é autônomo sabe disso. Sorte das que dizem que ganham rios de dinheiro .O que eu não acredito porque conheço meninas lindas que também passam apertos esses dois meses. Enfim,as coisas precisam funcionar seja de um jeito ou de outro. As contas não esperam. O mecânico não quer saber se você tem ou não dinheiro quando o serviço tá pronto. Então,resolvi fazer uma promoção pro três dias de carnaval, mas eu sou uma idiota mesmo , não adianta eu fazer promoção,eu não trabalho quando eu baixo meu cachê. É sério isso. Fico revoltada. É como se as pessoas ficassem com medo de mim. Rsrsrs. Coisa estranha ,né?também acho. E ainda tive que aguentar piadinhas de uns retardados falando : “nossa,deve tá desesperada pra cobrar mais barato”,logo você a chata que nunca baixa o cachê”.

Eu tive que responder que a criatura mesmo eu fazendo de graça ela não iria,porque só quer encher o saco. É do tipo assim,liga e pergunta?faz por tanto? Daí tu pensa e responde que faz e eles pegam e falam:” tá,vou pensar “. Ah vá se lascar . Se quer pensar por que pergunta se faz? Não é pra encher o saco? Aja  paciência. Bom,a promoção que fiz pro carnaval não funcionou só me estressei. Porque algo é fato. Os caras, que ficam querendo pagar menos são os mais abusados,os que se acham lindos,eles acham que estão  fazendo um favor em você tá na companhia deles,rsrs. É cada coisa. Eu gosto de gente simples. Gosto de homens e não de moleques. Gosto de homens gentis e cheirosos. Mas ultimamente tá meio em escassez. Tirando meus clientes fixos e uns gatos pingados… Bom,deve ser culpa do carnaval ,rsrs. Mas agora que acabou o carnaval as coisas irão voltar ao normal. Assim espero.

Pois é, eu já sem paciência pra tanta perguntas idiotas e deboches. Resolvi que não ia atender. Pior coisas são as perguntas sem nexo. Tipo, você põe uma promoção na massagem tântrica. E de nenhuma forma  ta escrito que é incluso anal ,vaginal, garganta profunda,garganta do diabo, espancamento, puxões de cabelos e sua alma junta com a promoção. Ultimamente é uma perguntas mais escrotas do que outras. Tipo” você bebe leitinho”?. O único Bezerro que não cresceu é você filho de uma vaca . As pessoas perderam a noção. Ou sempre foram assim sei lá. Mas a culpa é dessas garotas que vendem até a alma nos sites.E alguns acham que todas são iguais.Bom,já aborrecida com os “lords” da capital me aparecem outros de outros estados. Eles são piores,uma estupidez pra falar,ou ando muito emotiva e fico magoada sei lá. Mas tem pessoas que fica impossível manter um diálogo. Por que? Porque eles acham que a gente quer ver pinto e ficam enviando fotos.  Teve um que ficou puto comigo,o cara não falou nada e já enviou a foto do pinto eu falei( Que isso? que eu te fiz pra ficar me dando o dedo?). Rsrsrs. Ele falou: “tá me tirando?” Eu não estou te tirando meu filho…estou lhe bloqueando mesmo. Enfim,depois de ouvir inúmeras propostas nada decente e nada de concreto eu resolvi colocar o celular no silencioso. Ah tem dias que a gente não tem ânimo pra piadinhas,gracinhas. Daí fiquei meio sem fazer nada. Marquei com duas colegas de irmos pegar um bronze,uma bebeu demais e não tava legal pra ir pro sol,a outra só acordou depois das 10:00h. Quem vai bronzear nesse horário? Eu acabei nem indo bronzear. Mas marcamos de novo pro final de semana.

Meu carnaval foi assim,estudando , da cozinha pro quarto,do quarto pra cozinha tentando manter o projeto fitness. Bebi sozinha mesmo, não tenho isso ,se quero beber ,bebo sozinha mesmo, só um pouco pra não perder o costume. Ansiedade faz isso. Mas tento me controlar. Fiz caminhadas também diariamente. Andei meia hora e já sentia vontade de voltar . Então fui ler e depois ver filmes. Consegui ver três filmes. Eu sou assim, quando pego um livro pra ler gosto de terminar logo. Eu tinha prometido a mim mesma que vou voltar com a leitura como antes. Enfim,filmes que revi na verdade. O primeiro chama-se :A CURA.Um verdadeiro tesouro do cinema, muito diriam é um simples filme antigo que já passou mais de mil vezes na televisão. Acredito que grandes clássicos e obras, cinematográficas tão bem feitas e emocionantes, não devem ficar escondidas em um museu. Não tive a oportunidade de assistir os outros dois filme dirigidos por Peter Horton, mais sei que nesse ele conseguiu, me teletransportar para um mundo de inocência e delicadeza, onde o preconceito não foi vencido por completo, mais pode se tornar insignificantemente. A cura (The cure) é um filme que nos mostra o quão é bom ter amigos, e o quanto essa amizades pode nos fazer bem, a vida de Dexter (Joseph Mazzello), se tornou mais feliz e emocionante, no momento em que Erik (Brad Renfro) entrou nela, foi como um presente de honestidade, confiança e amizade, isso ajudou com que Dexter se sentisse feliz e realizado tento um amigo para compartilhar momentos felizes e triste com ele, e acima de todo provando que ele não era uma aberração, e mostrando que ele era igual a todos.Simplesmente lindo!! Uma lição de vida. Não só pela busca de algo, mas pelo valor da amizade. Um filme de 23 anos atrás, e continua atual.Nem vou comentar que chorei muito. 

O segundo filme: O menino do pijama listrado. Não é apenas bom, é uma das maiores obras de arte do século! Assim como o livro, porém, em uma versão mais enxuta, mantém as características da história que por sinal é maravilhosa. A interpretação dos atores é perfeita e digna de muito respeito.

O terceiro filme- 12 Anos de Escravidão . 12 Anos de Escravidão não é apenas um filme e sim uma obra literária, poética e histórica.A regra do “cada um por si” é o que vale. O filme é tão triste e causa tamanho desconforto, que alcança a marca de filmes extremamente cruéis como “Dogville” e “Dançando no Escuro”, do Lars Von Trier, ou “Foi Apenas um Sonho”, do Sam Mendes, ou ainda “Babel”, de Alejando Gonzales Iñárritu, que figuravam entre os mais tristes que eu me lembro de já ter visto. Contudo,12 Anos de Escravidão consegue ser ainda pior, e não pela mão pesada do diretor, mas sim por ter sido baseado num fato real, o que torna ainda mais visceral e trágico. E o que falar do elenco? Todos brilham, sem exceção, Chiwetel Ejiofor, como o protagonista injustiçado Solomon, homem de bem, casado e com dois filhos, culto, músico e letrado, cujo único “mal”  é ser negro! Michael Fassbender, como um tirano senhor de escravos, cristão fervoroso, mas que só faz o contrário do que a Bíblia prega. Apesar de ser um filme excepcional, é um filme que não pretendo assistir novamente tão cedo, pois é preciso ter disposição para ver tanta injustiça . Chega a ser revoltante! Mas esse filme denuncia algo que já é sabido por todos, e que grande parte da população somente ignora, naquela passividade incômoda. Vale para abrir os olhos e pensar no quanto nossos problemas parecem realmente insignificantes diante de tanta atrocidade que algumas pessoas vivem diariamente, ainda no século 21. Nada melhor do que um pouquinho de história para nos relembrar o quão ruim podemos ser.

Foi assim meu carnaval! Mas acabou e vamos trabalhar.

Massagem tântrica continua com um preço legal. Período de uma hora e meia. Aproveitem!!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *